sexta-feira, 3 de junho de 2016

O que aprendi assistindo aos cultos de algumas das igrejas da TV

cultos tv

Ligando a sua TV em qualquer dia ou horário, você sempre encontrará alguma igreja na TV transmitindo algo para o telespectador.

Após alguns dias assistindo alguns desses programas tirei algumas lições.

Vejamos algumas delas:

1 – Eu preciso dar o dízimo e ofertas para demonstrar minha fé e ser abençoado por Deus

Encontrei esse aprendizado em quase todos os “cultos” que assisti pela TV. Frases como: “Deus está querendo te abençoar, oferte nesse ministério”, “este ano será de vitória, dê uma oferta de fé”, “sacrifique-se, pois Deus, vendo o seu sacrifício, te abençoará. Por isso, traga sua oferta no valor de…”. “Se você está passando por dificuldades financeiras, o motivo é que você não é dizimista fiel, portanto, está roubando a Deus”.

Aprendi que o que tem fé oferta o máximo. Se não ofertei o máximo ainda tenho que converter meu coração porque minha fé é pequena.

2 – Eu preciso estar em um determinado lugar para receber a bênção de Deus

Aprendi que para ser abençoado por Deus preciso estar em um determinado endereço e em determinada hora.

A mão de Deus age ali, por isso, preciso estar ali. Frases como “a mão de Deus age poderosamente nesse lugar”, “venha receber a sua bênção aqui na rua ‘X’ no horário ‘Y’…” me mostraram que eu preciso me esforçar e me deslocar para alguns lugares para ser abençoado.

Deus precisa que eu vá lá onde Ele está agindo...

3 – Eu preciso comprar objetos ungidos para atingir alguns objetivos da minha vida

Aprendi que preciso ter a chave da vitória para abrir as portas do sucesso; aprendi que preciso do martelo da justiça para que Deus me dê a vitória na minha causa; aprendi que preciso ter a meia ungida para que onde pisar a planta dos meus pés, seja meu; aprendi também que preciso da rosa do amor para que meu relacionamento seja de Deus, que preciso do tijolo ungido para que consiga conquistar a casa dos sonhos.

Aprendi também que preciso comprar o vidrinho com a água do Rio Jordão para lavar os meus pecados.

Aprendi que preciso fazer sacrifícios e adquirir esses objetos que vêm de Deus para que seja abençoado.

4 – Eu preciso obedecer a palavra do meu líder, pois ele é ungido

Aprendi que devo obediência ao meu líder, afinal, ele é o chamado, ele tem a unção especial de Deus. Através dele é que receberei a “vida abundante” de Deus para minha vida.

Aprendi que o líder da Igreja nos dá a cobertura espiritual, portanto, tudo o que pretendemos fazer, tais como, namorar, comprar um bem, vender um bem, buscar novo emprego, fazer uma cirurgia, devemos antes, ouvir o que ele diz.

Ele tem a revelação, ele tem o poder de me conduzir ao poder de Deus que tanto quero. Ele é quem determina minha bênção, minha vitória.

Ele é quem tem a oração forte que agrada a Deus, que abre os caminhos… e, por isso, Deus quer que eu o obedeça em todas as coisas. Meu líder deve ser tudo pra mim!

5 – Eu preciso prosperar, caso contrário, não tenho a fé verdadeira

Aprendi que pobreza não é de Deus. Que o filho de Deus é cabeça e não cauda. Que o filho de Deus foi feito para estar por cima.

Aprendi que sendo Deus o dono do ouro e da prata e eu, seu filho, tenho que possuir riquezas, afinal o meu pai é rico.

Aprendi que se sou pobre é porque ainda não tenho Deus agindo em minha vida. Aprendi que preciso determinar a minha bênção, tomar posse das promessas de Deus.

Afinal, Deus tem que me dar tudo aquilo que Ele prometeu nos versículos que o pastor mostrou na Bíblia.

Bom, citei apenas cinco “aprendizados”, mas teria muito mais para compartilhar. Creio que está evidente o “lixo” que muitas igrejas têm ensinado através da TV.

Lixo esse que chamam de evangelho, mas que não passa de ensinos contrários à Palavra de Deus. Uma maldição sendo ensinada, dia após dia!

Creio que um último aprendizado que deveríamos colocar em prática seria:

Diante de tantas asneiras, sou obrigado a sugerir que desligue a TV; não perca tempo com esses programas nocivos à boa Palavra.

Busque em primeiro lugar o verdadeiro ensino de Deus na Bíblia, procure uma boa Igreja onde você possa receber ensinamentos que verdadeiramente edificarão a sua vida.

Peça ao bom Deus para que não o deixe cair nessas “igrejas” onde levam 20 minutos para pregar a obrigatoriedade do dízimo e 10 minutos para expor a Palavra de Deus – O Evangelho da Salvação.

“Igrejas” onde o “profeta” faz “revelações” ao atacado e prometem curas e prosperidade para todos; dizem até que José, pai de Jesus era um rico empresário do ramo de carpintaria.

Busque uma Igreja onde não exista teatro, Carnaval de Jesus, Funk, Pagode, Rock, Axé, Show Evangélico com jogos de luzes e fumaça, pastor dançando ou pulando como se fosse o Michael Jackson. Onde os adoradores (cantores) não cobram R$ 20.000, R$ 30.000,00, R$ 50.000,00 como cachê para louvar a Jesus.

Pb. André Sanchez

Pb. João Placoná